Hobby - Pescaria
Pescar nos permite ficar um pouco com nós mesmos!!
Pescar me traz de volta a minha adolescência. Sempre digo que Deus foi muito bondoso comigo, pois me deu o "privilégio" de na melhor fase de um jovem, adolescência (9 aos 19 anos), me permitir ter morado numa cidade do arquipelago do Marajó chamada São Sebastião da Boa Vista. Como era linda aquela cidade quando vivi lá. Uma cidade com aproximadamente 1.500 pessoas, onde todos se conheciam e se davam as mãos. Era uma só família!. Hoje
não sei como está a cidade. Tenho certeza sim, que continua num lugar geográfico mais lindo que vivi. Situada numa ilha, onde se pode curtir os rios e igarapés da amazônia. Foi nesta cidade e nesta época que iniciei meus primeiros passos em pescaria, utilizando a pesca direto na linha ou caniço, onde na época não se falava em molinetes, carretilhas e outros instrumentos sofisticados. Hoje, depois de muitas experiências com amigos de Campinas-SP, muitas pescarias foram realizadas em diversos lugares como rio grande, que separa o
estado de São Paulo de Minas Gerais na cidade de Planura e também a cidade de Parati no Rio de Janeiro, onde Deus também foi generoso como toda a beleza
daquele lugar com ilhas e lugares parasidíacos. Nestes lugares, tive oportunidade de utilizar pela primeira vez molinetes e carretilhas. Muitos peixes de diversas foram pegos
até um "voador". Imaginem, Peixe voador!!! Isto aconteceu em Parati no estado do Rio de Janeiro (não é papo de pescador..).
  Claro, não poderia esquecer a minha linda e maravilhosa cidade de Ubatuba no litoral norte de São Paulo. Deus também foi generoso com este lugar e com esta cidade, onde muitas pescarias foram feitas e muitos peixes espada foram visgados e pegos. Detalhe: também foram saboreados!!!